Normas Éticas do naturismo Brasileiro

O NIP adota como princípio fundamental o respeito ao Código de Ética Naturista da INF-FNI (Federação Internacional de Naturismo), além de recomendar a todos os associados que procurem se informar de regras a parte, quando estiverem em qualquer praia, clube ou pousada naturista.

A FBrN - Federação Brasileira de Naturismo, como meio de garantir um padrão ético de comportamento entre sua áreas filiadas, edita as seguintes Normas Éticas:

  1. FALTA GRAVE

    As condutas abaixo relacionadas, com grau de intensidade examinado pelos Conselhos Deliberativos dos Clubes, em primeira instância, e pelo Conselho Maior da FBrN, em segunda e última instância, são motivos para expulsão de seus agentes dos quadros sociais e das áreas naturistas regidas pelas entidades filiadas à FBrN.

    1. Ter comportamento sexualmente ostensivo e/ou praticar atos de caráter sexual ou obscenos nas áreas públicas.
    2. Praticar violência física como meio de agressão a outrem.
    3. Utilizar meios fraudulentos para obter vantagem para si ou para terceiros.
    4. Portar ou utilizar drogas tóxicas ilegais.
    5. Causar dano à imagem pública do Naturismo ou das áreas naturistas.
  2. COMPORTAMENTO INADEQUADO

    As condutas abaixo relacionadas, com grau de intensidade e reincidência examinadas pelos Conselhos na forma referida no Item I, constituem motivos para advertência, suspensão e expulsão dos seus agentes dos quadros sociais e das áreas regidas pelas entidades filiadas à FBrN.

    1. Concorrer para a discórdia por intermédio de propostas inconvenientes com conotação sexual.
    2. Fotografar, gravar ou filmar outros naturistas, sem a permissão dos mesmos.
    3. Utilizar aparelhos sonoros em volume que possa interferir na tranqüilidade alheia, e ou desrespeitar os horários de silêncio regulamentados.
    4. Causar constrangimento pela prática de atitudes inadequadas.
    5. Portar-se de forma desrespeitosa ou discriminatória perante outros naturistas ou visitantes.
    6. Deixar lixo em locais inadequados.
    7. Provocar danos à Flora e à Fauna, ou à imagem do Naturismo.
    8. Satisfazer necessidades fisiológicas em áreas impróprias, ou exceder-se na ingestão de bebidas alcoólicas, causando constrangimento a outros naturistas.
    9. Utilizar assentos de uso comum sem a devida proteção higiênica.
    10. Apresentar-se vestido em locais e horários exclusivos de nudismo, sendo tolerado às mulheres o topless, durante o período menstrual.

As presentes NENB - Normas Éticas do Naturismo Brasileiro devem ser fixadas em locais públicos e visíveis, além de distribuídas e divulgadas entre naturistas e visitantes nas áreas de prática naturista filiadas à FBrN.

Estas normas foram aprovadas na Assembléia Geral Extraordinária número 3 (três) realizada em 7 de dezembro de 1996, no Sítio Ibatiporã, em Porto Feliz/SP.

Informações : info@nip.org.br_